Reduzir custos com gestão de pneus

A importância de se realizar a gestão de pneus

Os gastos com pneus representam cerca de 12% do custo da frota, perdendo apenas para as despesas com combustíveis e manutenções. Para reduzir os custos e aumentar a vida útil dos pneus, a oferecemos uma solução especializada em gestão da manutenção de frotas, via web para empresas frotistas.

Assim, o frotista pode comparar a durabilidade do pneu considerando as recomendações dos fabricantes, identificar facilmente as condições de uso, controlar a vida útil e prevenir desvios e furtos. A solução ainda controla os custos com compras, reformas e descartes dos pneus e envia alertas sobre o melhor momento da reforma de cada pneu, o que ajuda a aumentar a durabilidade deste item.

Sem a correta gestão de pneus, os frotistas podem acumular ainda mais riscos se considerarmos que muitas estradas brasileiras são mal cuidadas. Isto pode ocasionar também o aumento de compras de novos pneus e maior gasto com combustíveis.

Por outro lado, se bem realizada, a gestão de pneus aumenta entre 20 e 25% a vida útil deste item, ou seja, um pneu que rodaria 100 mil km pode rodar até 125 mil km com segurança.

Dorival Areas, especialista em gestão de frotas, conta que os pneus de caminhões são componentes relativamente caros e merecem cuidados especiais. Saber quantos pneus a frota possui, de quais marcas, o tempo de utilização e localização de cada um é fundamental para traçar um plano de redução de custos. “A banda de rodagem do pneu, por exemplo, influencia diretamente no consumo de combustível, que é o maior gasto de uma frota”, comenta.

Ele explica que se a gestão dos pneus com relação à calibragem, rodízio e reforma forem realizadas corretamente, os pneus terão maior vida útil e produtividade, aumentando a lucratividade da empresa. Além disso, a gestão de pneus colabora com a diminuição do impacto ambiental, pois reduz o consumo de combustíveis e diminui o descarte de pneus no ambiente.

A gestão desses dados possibilita a análise de rendimentos de cada pneu da frota, facilitando a escolha do equipamento ideal para cada veiculo, considerando o custo por quilometro rodado entre outros dados. “Sabendo qual a melhor marca e modelo para cada veículo em cada situação fica mais fácil reduzir os gastos e alcançar o melhor desempenho para cada caminhão da frota”, finaliza.