Como fazer higienização automotiva nos veículos da sua frota

A higienização automotiva é um investimento de tempo e dinheiro com um bom custo-benefício para gestores de frota. 

Como você deve saber, lavar o carro é importante por alguns motivos. Seu carro ficará mais limpo e terá um melhor valor de revenda e troca. 

Quando escalamos essas vantagens para uma frota, os benefícios só aumentam. 

Afinal, manter a higienização da frota em dia é uma forma de baixo custo para proteger o valor e manter o estado de conservação dos seus veículos.

Neste artigo, compartilhamos dicas importantes e necessárias sobre higienização veicular. Esperamos que você aplique todas elas na sua frota. Acompanhe! 

O que é Higienização Automotiva?

A higienização veicular consiste nas ações sanitárias programadas para a limpeza e desinfectação dos veículos da frota.

Como gestor de frotas, você deve saber que é muito importante ter práticas eficientes de limpeza veicular. 

Infelizmente, tornou-se muito fácil para qualquer pessoa ficar doente ao tocar em superfícies que não foram limpas e higienizadas de forma consistente. 

Dessa forma, é preciso manter limpezas programadas para os veículos da sua frota. 

Além de evitar danos para os seus colaboradores, a higienização veicular também colabora na redução de custos e na prevenção de acidentes. Falaremos sobre isso adiante.

Qual a importância de higienizar os veículos da frota?

É importante salientar  que a higienização automotiva já deveria estar sendo realizada e fiscalizada pelos gestores de frota. 

Isso porque seus veículos precisam ser higienizados regularmente, com lavagens programadas e desinfecção após cada viagem das superfícies, já que um carro é um vetor em potencial de doenças causadas por germes, bactérias e vírus.

Além disso, evitar a sujeira também auxilia na prevenção de acidentes e evita que os seus motoristas fiquem doentes, o que desfalca a sua equipe e reduz  sua produtividade.

Por que manter higienização automotiva  em dia na sua frota?

Muitas empresas pensam que lavar e encerar um carro é um luxo e não é necessário, por isso não investem da forma correta na higienização automotiva.

Na verdade, manter os veículos da sua frota higienizados, tanto externa como internamente, traz uma série de vantagens para a sua empresa, envolvendo redução de custos e segurança.

Então, confira abaixo os principais motivos pelos quais o gestor de frotas deve investir em higienização automotiva:

Previne a depreciação precoce

Manter o exterior dos veículos da sua frota limpo e encerado é extremamente importante para preservar a pintura e também a lataria dos veículos. Isso porque a maioria dos carros se depreciam naturalmente, mas você pode prolongar a vida útil, por sua vez, preservar seu valor por mais tempo se o mantiver limpo.

Evita reparos mais caros

A sujeira do carro pode causar estragos na pintura e no corpo do seu carro. Alguns desses danos são irreversíveis e exigirão substituição completa. Esses reparos custam muito dinheiro, em geral, e prejudicam o valor geral do carro. Sendo assim, investir em higienização automotiva significa reduzir custos com reparos não programados.

Carros limpos são mais seguros

A manutenção da limpeza do veículo ajuda a evitar acidentes. Afinal, espelhos retrovisores e vidros sujos podem dificultar a visão do motorista, elevando o risco de algum acidente. Sabendo disso, evite a sujeira a qualquer custo. 

Mantém os colaboradores saudáveis

Enfrentamos um período difícil com a pandemia e a necessidade de isolamento e cuidado extremo com a limpeza. É importante manter o ritmo cuidando da limpeza do interior do veículo. Isso vai ajudar a eliminar bactérias e outros vetores de doenças que podem se acumular nos volantes, estofados e painéis.

É bom para a imagem da sua empresa

Como uma empresa mantém os seus carros pode dizer muito sobre ela. Por isso, é importante manter a higienização automotiva em dia, de modo a evitar que os seus veículos acabem sujando a reputação da sua organização. 

Quais são as partes mais sujas nos veículos?

Uma pesquisa do Car Rentals, publicada no site da UOL, apontou que o volante do carro pode contar até 6 vezes mais colônias de bactérias que a tela de um celular e até 4 vezes mais que um banheiro público!

As demais superfícies dos veículos que merecem um cuidado especial são:

  • Porta-copos;
  • Cintos de segurança;
  • Puxadores internos das portas.

Checklist de higienização automotiva

A melhor maneira de garantir a conformidade da higienização automotiva é por meio de checklists. 

Logo, os gerentes de frota devem criar cronogramas padronizados de manutenção pré e pós-viagem para todos os colaboradores. 

As tarefas devem incluir verificações de limpeza e mecânicas, como:

  • Verificando os níveis de fluido do veículo;
  • Avaliação da colocação de ferramentas e equipamentos;
  • Verificação do limpador de para-brisa e alinhamento dos espelhos;
  • Desinfecção de vidros, painéis, volantes e painéis de controle;
  • Varrer os tapetes interiores;
  • Esvaziar mini sacos de lixo.

A seguir, confira outras ações que devem compor os seus protocolos de higienização automotiva:

Limpeza do ar-condicionado 

A limpeza dos filtros do  ar condicionado do seu veículo certamente não é algo a ser negligenciado. Essa pode ser uma ótima maneira de proteger seu motor, maximizar a eficiência de combustível e remover odores desagradáveis.

Higienização do volante

Pesquisas já apontam que o volante do carro pode ser até 4 vezes mais sujo que um vaso sanitário. Só isso já deveria ser motivo de higienização constante. Para evitar contaminações, forneça um borrifador pequeno e uma flanela e oriente os seus motoristas a higienizar o volante de forma regular.

Limpeza das peças dos carros

As demais peças dos carros, como bancos, cintos de segurança, puxadores e porta luvas não devem ser negligenciados. Como a limpeza vai passar a ser mais regular, invista também na hidratação, principalmente se os bancos forem de couro (porosos). Isso irá evitar rachaduras.

Tapetes devem ser limpos diariamente

Bata os tapetes dos veículos diariamente, uma vez que  escondem poeira, restos de comida, suor e todo tipo de sujeira. A aspiração e limpeza, com lavagem regular, pelo menos 1 vez por semana, dependendo da atividade também é muito importante.

SAIBA MAIS: Lavagem ecológica de veículos

Atenção: álcool em gel 70% pode danificar as peças na higienização de veículos!

O álcool em gel pode danificar algumas superfícies dos veículos da sua frota, por isso, é aconselhável higienizar as superfícies com produtos específicos para isso. 

Evite também produtos de limpeza à base de amônia, pois isso pode comprometer, principalmente, o funcionamento correto do painel.

Na falta de produtos de limpeza de veículos específicos para fazer a higienização de veículos, uma solução com água e sabão infantil, colocada dentro de um borrifador pode ajudar. Isso deve ser feito depois de cada viagem: 

  • Primeiro, é preciso higienizar as mãos com água e sabão neutro ou álcool em gel;
  • Depois borrife a solução em todo o painel do veículo;
  • Então, utilize uma flanela de microfibra, esfregando bem.

Higienização automotiva: uma prática necessária para frotas de veículos

Em conclusão, vimos neste artigo que a higienização automotiva é uma parte importante para as medidas de conservação da sua frota.

Além de evitar a proliferação de doenças, a limpeza veicular evita a depreciação precoce dos seus veículos e ainda colabora com as rotinas de manutenção.

Além disso, a higienização veicular colabora para evitar acidentes, uma vez que retrovisores e painéis estão sempre limpos.

Então, qual a sua rotina de higienização automotiva? Compartilhe conosco!