09 nov 2017

Afinal, os pneus remold realmente valem a pena?

pneu-remold-ou-remoldados.jpg

Você já ouviu falar nos pneus remold (ou pneus remoldados)? Conhecidos como uma opção mais barata, esses produtos têm ganho uma imensa popularização no Brasil. Essa alternativa, no entanto, acompanha uma série de negligências que muitos gestores de frota podem estar levando aos seus veículos.

 

Apesar de que as alternativas mais baratas podem parecer uma opção saudável para qualquer gestão, isso pode estar colocando seus veículos e suas operações em uma situação de alto risco, pois o barato muitas vezes pode sair caro. É pensando nisso que nós decidimos ajudá-lo a finalmente entender: investir nos pneus remold realmente vale a pena para sua frota?

O que é pneu remold?

São aqueles pneus que já foram usados e são reaproveitados após uma série de reestruturação em suas características para suprir as danificações ocasionadas pelo seu uso constante.

Custando até 50% a menos do que produtos novos, os pneus remold são escolhidos por gestores de frota que buscam economizar na hora de compor seus veículos. No entanto, por mais vantajosos que pareçam, eles podem levar vários riscos para sua frota.

Quais são as peculiaridades dos pneus remold?

Perda de informações e características importantes

Por serem reconstruídos a partir da vulcanização, a raspagem da banda de rodagem e suas laterais ocasiona a perda de várias informações do pneu, como a marca, série de fabricação original, modelo, índice de carga e velocidade e descrição de suas dimensões.

Isso pode apresentar um grande risco para seu veículo, pois a manutenção constante é essencial para que você garanta a segurança de sua frota. Com a perda dessas informações, fica ainda mais difícil que você acompanhe todos os elementos que vão ajudá-lo na hora de identificar a saúde dos pneus e seus processos de manutenção.

Incapacidade de identificar o real estado de conservação do pneu

Nesse processo de reutilização, as antigas características oriundas do uso constante do pneu são perdidas e cobertas por uma nova estrutura feita para maquiar temporariamente a condição real do produto. Isso vai tornar impossível que você identifique o real estado de conservação, pois todas essas característica estarão cobertas por uma nova estrutura.

Com os cordonéis de nylon e alma de aço permanecendo velhos e gastos, por exemplo, se torna inviável a verificação constante dos pneus para descobrir quando eles devem ser trocados.

Dificuldade para balancear as rodas

Apesar de parecem novos, as partes internas dos pneus remold continuam velhas e gastas como antes. Isso vai dificultar ainda mais o seu trabalho na hora de realizar o balanceamento das rodas para garantir que seu veículo estará funcionando corretamente e sem apresentar nenhum risco.

Não garantem total segurança

Por mais que pareçam completamente novos, apenas produtos realmente certificados garantem segurança e durabilidade. Todos os pneus passam por uma bateria de testes e são aprovados pelo Inmetro antes de serem vendidos para garantir que nenhum defeito aconteça durante seu uso. Isso, no entanto, não acontece com os pneus remold.

Mesmo que suas reconstruções sejam feitas por profissionais experientes e com seus devidos cuidados, a vida útil do pneu continua sendo menor.

Alternativas econômicas aos pneus remold

Ainda que pareçam a melhor escolha para uma economia em seus veículos, nós selecionamos algumas outras opções para que você continue escolhendo uma opção barata, mas que garanta a segurança e durabilidade de seus pneus.

Recapagem dos pneus

Uma boa alternativa segura para uma economia na manutenção de seus veículos é a recapagem. Basicamente, esse é um processo onde a banda de rodagem danificada é trocada por uma uma nova borracha de cobertura. Nesse recurso, existem algumas variações específicas, que podem ser feitos a quente ou a frio.

Na recapagem à quente, é utilizado um camelback (manta de borracha) que se juntará ao pneu pelo processo de vulcanização. Isso é feito para a formação de um desenho adequado à roda. Por outro lado, o método ao frio é realizado com um pneu pré-moldado que recebe uma banda de rodagem já com um desenho pré-definido.

Caso se interesse por essa alternativa, é aconselhado que você procure profissionais qualificados que irão orientá-lo com todas as características desse método de recuperação de seus pneus.

Recauchutagem dos componentes

Você também pode optar pela recauchutagem de seus componentes. Este é um processo onde a banda de rodagem e os ombros da caraça são cobertos por uma nova camada de camelback, onde o pneu é posteriormente submetido a uma temperatura de 150º para que a borracha adquira o desenho adequado.

Assim como a recapagem, é sempre aconselhado que você procure profissionais experientes para realizar todos esses processos garantindo a segurança total para seus veículos.

Principais cuidados que você deve tomar ao usar pneus remold

O ideal é que você escolha essa alternativa apenas quando não houver a possibilidade de investir em pneus novos e certificados. Caso ainda assim você planeje utilizar esses tipos de pneus, você também precisa estar ciente de todas as condições que esses produtos podem levar aos seus veículos, bem como vários outros cuidados que você deve tomar ao utilizá-los.

O mais importante é que você entenda que o uso de pneus remold deve ser feito apenas a curto prazo, pois estender seu período de utilização é praticamente o mesmo que continuar com componentes gastos.

Também é recomendado que os gestores que optarem por essa alternativa escolham um local de compra especializado em reconstrução de pneus moldados. Por isso, não deixe de pesquisar as melhores opções com outros gestores, fornecedores e outros métodos online para encontrar uma loja adequada desses serviços e com produtos que apresentem selos certificados do Inmetro.

Outro cuidado essencial é que você faça testes na prática antes de utilizar esses pneus remold. Quando estiver em um espaço aberto, verifique a situação dos pneus na frenagem, nas curvas, seu estado de aderência em diferentes tipos de pistas, como estão as condições em situações de clima e muitos outros testes que vão fazer parte do seu dia a dia.

Agora que você conhece o que é e todos os riscos na utilização de pneus remoldados, mantenha uma atenção especial a todos os cuidados que você deve tomar na hora de implementá-los aos seus veículos, pois a saúde dos pneus é o primeiro passo para a segurança de sua frota.

Caso queira conhecer as melhores maneiras de fazer a manutenção completa dos componentes de seus veículos, não deixe de conhecer nosso ebook gratuito, o Guia Completo de Controle de Pneus.

Em caso de alguma dúvida, estamos sempre à disposição para ajudá-lo!

 

# pneus

Assine nossa newsletter