Fumaça Branca saindo do escapamento: possíveis causas e como resolver

Fumaça branca saindo de um veículo é um mau sinal. Pode ser um problema simples, mas provavelmente há algo muito errado com seu carro.

Dessa forma, ao constatar uma densa fumaça branca saindo do escapamento é preciso ligar o sinal de alerta e agir para resolver o problema rapidamente. 

Ignorar a fumaça pode, na pior das hipóteses, levar à perda do motor.

Logo, mesmo que você não seja um especialista em mecânica de veículos, é preciso entender o funcionamento básico para diagnosticar o problema com a fumaça branca e tomar alguma atitude. 

A Sofit te ajuda com isso, vamos lá?

O que são emissões de escapamento?

Os gases que saem do tubo de escapamento dos seus veículos são os subprodutos diretos do processo de combustão que ocorre no motor. 

É simples e funciona assim:

Uma faísca acende uma mistura de gasolina e ar, e os gases resultantes são canalizados pelo sistema de escapamento. 

Eles também passam por um conversor para reduzir as emissões prejudiciais e pelo sistema de silenciamento para reduzir os ruídos.

Os tipos de fumaça e suas possíveis causas

Nos filmes, quando as pessoas presas em ilhas desertas enviam sinais de fumaça para aviões e navios que passam é porque elas estão em sérios apuros.

Isso é o que acontece quando você vê fumaça branca, preta ou azul saindo do seu cano de escapamento. 

O seu carro está enviando um sinal e implorando por ajuda. 

Abaixo, confira os tipos mais comuns de fumaça e quais problemas elas podem representar para o seu veículo:

Fumaça preta

A fumaça preta indica que o carburador ou injeção eletrônica estão desregulados. Isso faz com que entre mais combustível do que o normal na câmara de combustão, o que ocasiona o problema.

Fumaça azul

A fumaça azulada é um dos tipos de fumaça mais preocupantes, pois pode causar danos irreparáveis ao motor por falta de lubrificação. Quando acontece, indica que existe óleo do motor sendo queimado na câmara de combustão.

Continue lendo para saber mais sobre a fumaça branca:

Image

Fumaça branca: quando se preocupar?

A fumaça branca que traz danos para o veículo é aquela ocasionada pela queima do líquido de arrefecimento do radiador na câmara de combustão. Ela geralmente é bastante espessa (densa) e recorrente.

Se o seu sistema de escapamento está produzindo uma fumaça branca e espessa – você pode ter um problema.

A fumaça branca e espessa do escapamento geralmente indica um vazamento de líquido refrigerante, o que pode causar superaquecimento e colocar o motor em sério risco.

Logo, caso você note que o líquido de arrefecimento está diminuindo muito rapidamente ou alguma junta do motor está danificada, rompida ou queimada, é hora de acionar uma manutenção de emergência.

Vale lembrar que você pode ocasionalmente ver uma fumaça de cor branca clara, apenas vapor de água. Assim, é importante entender que isso é muito diferente da espessa fumaça branca que o trouxe até nós.

Da mesma forma, em dias mais frios, é comum verificar uma fumaça branca saindo do escapamento devido ao ar condensado, mas fora dessas situações ela é sempre um sinal de alerta.

Como resolver o problema?

Primeiramente, é importante tirar o veículo de circulação e levá-lo até o seu mecânico de confiança para uma vistoria, caso o problema com a fumaça branca seja identificado. 

Entretanto, caso você ainda tenha dúvidas de que o problema com a fumaça branca é realmente grave, é possível verificar o nível do líquido de arrefecimento do radiador. 

Caso ele esteja baixo e você não verificar vazamento em nenhum outro lugar, isso apoia a teoria de que há um vazamento ou rachadura. 

Como esta é uma das maiores reparações de automóveis que podemos encontrar, não recomendamos amadores sem as ferramentas adequadas que realizam esta tarefa.

Então, contacte o seu mecânico de confiança e decida se vale a pena ou não um conserto, dependendo do valor do veículo. 

Você pode reconstruir o motor, substituí-lo ou comprar um carro novo. 

Multa por emissão de fumaça no meio ambiente 

A fumaça que sai do carburador prejudica o meio ambiente. Por isso, não recomendamos que os veículos que apresentam este problema continuem circulando. 

A legislação depende de cada estado, porém o excesso de fumaça saindo do escapamento pode ocasionar uma multa ambiental. O valor da multa depende da legislação vigente em cada estado.

Em São Paulo, por exemplo, o órgão responsável pela aplicação de flagrantes é a Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb).

Image

A Importância da inspeção regular nos veículos

Uma das formas mais eficazes de evitar problemas com fumaça branca e, consequentemente, a perda total do seu veículo é não negligenciar as rotinas de manutenção.

Inspeções regulares evitam perdas maiores e ajudam a identificar vazamentos, rachaduras e anomalias quando ainda é possível resolver o problema sem gastar tanto.

Para isso, conte com um sistema automático de rotinas de manutenção, checklists e recorra a alertas automáticos para não esquecer nenhuma manutenção preventiva.

Conte com a Sofit e evite problemas com a fumaça branca

Como observamos neste artigo, a fumaça branca e espessa é um indicativo de que seu veículo corre sérios problemas.

O ideal é que você saiba diferenciar uma fumaça branca “normal”, gerada pela condensação, da combustão causada pela queima do líquido refrigerante.

De toda forma, gestores de frota com acesso a sistemas automatizados de manutenção e checklists, podem identificar o problema no início e buscar soluções mais econômicas, sem precisar tirar os veículos de circulação.

Conheça a solução da Sofit para a sua frota. Entre em contato com a gente agora mesmo!