Óleo do motor escuro

Talvez você já tenha escutado por aí que quando o óleo do motor está escuro significa que ele já não serve mais e que precisa ser trocado.  Porém, nem sempre isso é fato.  Na verdade, após cerca de 7 mil quilômetros de uso, não é somente normal como também importante que o óleo fique escuro, pois isso indica que ele está cumprindo o seu papel. Você já sabe que a principal função  do óleo no motor é lubrificar as peças, reduzindo o atrito. Mas, além disso, ele serve para refrigerar, vedar e limpar o motor.  Para realizar a função de manter o motor limpo, ele carrega as sujeiras internas criadas pela queima do combustível — por isso ele escurece. Confira o conteúdo a seguir e aprenda um pouco mais sobre o tema!

O que realmente acontece quando o óleo do motor está escuro?

Agora você já sabe: a cor do lubrificante não tem relação direta com sua qualidade.  Como você viu, ele escurece quando está cumprindo o seu papel e acaba carregando as partículas inerentes a esse trabalho.  No entanto, obviamente, chega uma hora em que a troca é realmente necessária. O mais importante é ficar atento aos prazos de troca estabelecidos pelo fabricante (em média, até cerca de 10 mil quilômetros rodados).  Além disso, verifique sempre que possível o nível do óleo, para saber se ele não está abaixo do indicado. Confira as dicas mais importantes para não errar e manter a manutenção do seu carro em dia.

O que causa o escurecimento do óleo do motor?

A principal coisa que você deve saber é que os ciclos de calor escurecem naturalmente o óleo do motor. Ou seja, durante uma viagem pela estrada em temperatura amena, os motores atingem a temperatura normal de operação (normalmente entre 90ºC e 104ºC), o que aquece o óleo do motor.  Em seguida, o óleo esfria enquanto a sua frota fica parada na garagem. Então, a medida em que o dia avança – e com ele, o calor – o óleo é novamente exposto a temperaturas mais altas.  Note que alguns aditivos no óleo de motor são mais suscetíveis ao escurecimento na presença de calor do que outros.  Além disso, a oxidação normal também pode escurecer o óleo e, como você sabe, o alto calor acelera essa oxidação.

Qual a cor ideal do óleo do motor?

A cor do óleo do motor pode variar do marrom/caramelo ao mais escuro/negro.  Um óleo mais escuro é um sinal de que já chegou a hora de realizar a troca. Da mesma forma que um óleo marrom e “limpo” significa que ele está em boas condições. A verificação deve ser feita regularmente através da vareta do óleo do motor, conforme o manual de cada fabricante.

Dicas para saber se está na hora de trocar o óleo

A troca do óleo do motor deve ser realizada de acordo com algumas variáveis além da cor.    Confira as principais abaixo!

Óleo muito escuro

Embora o óleo escuro indique que ele esteja cumprindo sua função, o fato é que, quando ele está muito sujo, isso indica que realmente ele já pode estar no final de sua vida útil ou mesmo que o motor do carro pode enfrentar alguns problemas.  Dessa forma, se isso estiver acontecendo muito rápido, vale inclusive dar uma boa revisada no motor e no sistema. Também é importante conferir se não há algum problema na vedação ou em algum componente que possa contribuir para que essa situação indesejada ocorra no interior do seu carro.  Logo, é melhor prevenir do que acabar parado no acostamento, esperando a ajuda chegar para você.

Nível muito baixo de óleo

Outro ponto que indica que o motorista precisa ter atenção à qualidade do seu óleo é se o nível estiver muito baixo, especialmente se a perda não for condizente com a quilometragem que o veículo rodou com o produto.  Isto ocorre, muitas das vezes, em carros mais velhos, pois o normal é queimar pequenas quantidades. Uma dica importante: sempre que for medir, realize a verificação em um terreno plano e espere cerca de 10 minutos após desligar o motor — o esfriamento do motor faz com que todo o óleo desça para o reservatório, indicando o nível real de lubrificante.

Luz indicativa de óleo

Os carros, incluindo até alguns modelos mais antigos, possuem um sistema preciso que indica quando algum componente elétrico ou mecânico está apresentando um defeito.  Assim, o motorista é avisado disso através de uma pequena lâmpada, que fica geralmente no painel frontal. Portanto, se o seu carro é um daqueles que conta com essa opção de uma luz de alerta de óleo, é fundamental que você jamais caia na tentação de menosprezar esse aviso.  Ao vê-lo, tenha em mente que, possivelmente, o óleo está baixo ou repleto de sujeiras.

Luz para checagem do motor

Da mesma maneira que existe uma luz para indicar que há algum problema no próprio óleo, existe uma que é indicativa da existência de problemas no motor.  Mas, isso não quer dizer que se trate de uma falha exclusivamente nessa peça, pois pode ser algo ocorrendo com algum produto essencial para o seu funcionamento. E, como sabemos, o óleo é um deles. Quando os seus níveis estão muito baixos ou ficando saturados, é comum que a luz de verificação do motor ligue, pois essa condição afeta diretamente o desempenho desse sistema. 

Óleo do motor escuro: mantenha a manutenção sempre em dia!

Para evitar problemas relacionados ao óleo do motor, lembre-se sempre: a manutenção preventiva é de extrema importância para a economia e segurança de seu veículo.  Por isso, gestores de frota devem cuidar para que o plano de manutenção seja realizado, de preferência, com o auxílio de uma ferramenta de gestão de frotas. Se você gostou deste conteúdo ou ainda está com dúvidas sobre o que fazer quando o óleo do motor está escuro, deixe um comentário aqui no blog!

FALE COM UM ESPECIALISTA:

1 responder

Os comentários estão fechados.